7 motivos para você adquirir a Cadeira de Rodas para Cães
» » 7 motivos para você adquirir a Cadeira de Rodas para Cães

7 motivos para você adquirir a Cadeira de Rodas para Cães

Cadeira de rodas para cachorro deficiente: como escolher o modelo ideal para cuidar das dificuldades de locomoção

A cadeira de rodas acaba sendo necessária por 7 motivos principais:

  1. Displasia Coxofemoral
  2. Hérnia de disco traumáticas
  3. Fratura de Coluna, causadoras de paralisias nos membros dos cães
  4. Discopatias Degenerativas
  5. Atropelamentos ou quedas, também causadoras de paralisia
  6. Doença articular degenerativa severa
  7. Luxação de patela grave

 

Os sintomas apresentados são: a grande diminuição de atividades físicas, a dificuldade de caminhar e a grande diminuição de apetite. É comum que os tutores acreditem que seja por culpa da idade mais avançada ou por ele estar obeso e, assim, buscam uma dieta para ajudar.

 

As patologias que podem fazer seu cachorro parar de caminhar são displasia coxofemural e doença articular degenerativa severa, que são causadas por doenças no joelho, ombro e cotovelo. A paralisia nos animais com problemas ortopédicos são um processo: aparecem e vão se desenvolvendo até piorar de grau.

 

As raças de grande e médio porte como Boxer, Pastor Alemão, Akita, Chow Chow, Labrador, Golden Retriever e Buldogue Inglês podem parar de caminhar por luxação de patela grave. As raças de pequeno porte mais propensas a sofrer com isso são Pinscher, Maltês, Shih Tzu, Poodle, Lulu da Pomerânia, Spitz Alemão e cães sem raça definida.

 

Fisioterapia veterinária para cães com problemas de locomoção

Para ter um tratamento eficaz, o primeiro passo é possuir um diagnóstico correto sobre qual é a patologia que seu animal de estimação apresenta. Os médicos clínicos gerais podem fornecer esse resultado, mas é recomendado consultar com fisioterapeutas, ortopedistas e neurologista pelas áreas de especialização e estudo.

 

Então, o procedimento pode acontecer de forma cirúrgica, clínico e reabilitação. A fisioterapia é indicado por tratar-se de uma especialidade que ajuda o cão a voltar a caminhar pelo uso de alta tecnologia como esteira aquática, laser, magnetoterapia, fototerapia, ozonioterapia e acupuntura.

 

Escolhendo a cadeira ideal e entendendo a utilidade das cadeiras de rodas para cachorro

Os benefícios da cadeira de rodas para o cachorro são inúmeras. Seja por motivos físicos ou mesmo psicológicos. Entretanto, é preciso que ele continue se exercitando e mantendo uma vida saudável, principalmente para preservar a autoestima.

 

A escolha da cadeira de rodas deve ser feita com um fisioterapeuta veterinário para identificar o modelo ideal com apoio correto do corpo e do peso. Existem cadeiras de rodas bem sofisticadas, fabricadas à partir de materiais resistentes e adequados para cada porte, peso e necessidade. Muitas deixam que os cães ainda apoiem as patas no chão e se movimentem enquanto caminham.

 

Existem cadeiras de rodas artesanais para cachorros com baixo custo que diversas ONGs constroem. Porém, elas podem causar problemas sérios no pescoço, ombro e cotovelos a longo prazo. Por isso, é fundamental a visita ao especialista em fisioterapia veterinária para a regulagem da cadeirinha.

 

Apesar do nome cadeira de rodas, o cachorro não fica sentada com ela. Portanto, não deve utilizá-la por um período superior do que 25 minutos em cada período do dia para evitar sobrecarga e lesões, como dor e hérnia de disco na coluna cervical ou luxações com dor em ombros e cotovelos.

 

Procure uma unidade da Mundo à Parte e agende uma consulta caso precise de ajuda. Será importante conversar com um especialista em fisioterapia veterinária para tirar dúvidas e ter certeza de como funcionam todos os processos.