Meu pet está mancando

Se o seu pet está caminhando sem apoiar muito bem uma pata ou se ele “rebola” muito para se movimentar, ele pode estar com algum problema ortopédico.

Agende um horário

Paralisou as patas, e agora?
Seu amigo pulou do sofá, deu um grito e parou de andar? Corre para cá! Nossa equipe vai te orientar.

Agende um horário

Meu pet está gordinho
Se ao acariciar seu pet você percebe que ele já não tem aquela cinturinha de antes porque ganhou uns quilinhos ao longo da vida, pode ser que ele esteja obeso.

Agende um horário

Meu amigo está velhinho
Se o seu melhor amigo está com idade avançada e você já percebeu que ele não tem mais o pique de antes, saiba que podemos ajudar muito na qualidade de vida dele.

Agende um horário

Conheça nossas soluções para reabilitação animal e fisioterapia animal

Hidroterapia (Esteira Aquática)

A água é um importante meio terapêutico para a reabilitação dos animais. Além de suas propriedades que permitem ao animal ganhar flutuabilidade, também acarreta uma série de forças hidrostáticas que realizam pressão, favorecendo a melhora na circulação sanguínea e linfática dos pacientes.

Saiba mais sobre Hidroterapia

Eletroterapia para animais

eletroterapia consiste em um equipamento que emite ondas elétricas específicas para o tratamento de nervos e músculos. Quando falamos em eletroanalgesia, aplicamos corrente do TENS, que tem por objetivo bloquear as fibras nervosas responsáveis por levar a informação de dor ao cérebro.

Saiba mais sobre Eletroterapia para animais

Acupuntura para animais

acupuntura para animais é um ramo da medicina tradicional chinesa (MTC). Esse método terapêutico complementar se caracteriza pela inserção de agulhas na superfície corporal, para tratar doenças e promover a saúde. A inserção da agulha de Acupuntura estimula terminações nervosas existentes na pele e nos tecidos subjacentes, principalmente nos músculos.

Saiba mais sobre acupuntura animal

Cinesioterapia para animais

Existem diversas doenças que podem alterar a forma do animal apoiar a pata ou gerar fraqueza e desequilibrio. As mais recorrentes que recebemos na fisioterapia veterinária são as hérnias de disco, que faz os pacientes terem desde quadros de dor intensa até quadros de desequilibrio, dificuldade em caminhar ou até mesmo paralisia completa das patas.

Saiba mais sobre Cinesioterapia para animais